You are using an outdated browser. For a faster, safer browsing experience, upgrade for free toDia.
16-19 Outubro, 2018

Instituto de Computação UFF, Niterói, RJ

A Segunda Semana da Computação da UFF tem como objetivo principal o fortalecimento da integração entre os (as) professores (as), os (as) alunos (as) dos cursos de graduação em Ciência da Computação, em Sistemas de Informação e em Tecnologia em Sistemas de Computação, do Programa de Pós-Graduação em Computação do Instituto de Computação e profissionais do mercado.

Se desenvolva

Aprenda com

Palestras e mesa redonda

A II Semana da Computação do Instituto de Computação da Universidade Federal Fluminense contará com palestras proferidas por profissionais do mercado com temas variados e atuais. Além disso, contaremos com diversas empresas representadas e com o CIEE. Com inscrição gratuita, as palestras serão uma excelente oportunidade de ampliar seus conhecimentos. Além das palestras, teremos pela primeira vez uma mesa redonda que tratará do tema “Vulnerabilidade e bem estar psicológicos do estudante universitário”. A mesa contará com profissionais da psicologia e estudantes do Instituto de Computação.

Aplique em

Hackaton

Neste II Hackathon, organizado pelo Instituto de Computação, 10 equipes de alunos da Universidade Federal Fluminense poderão se inscrever, em grupos de 3 a 6 pessoas, para desenvolver, em 30h, um aplicativo ou sistema sobre o tema que será anunciado no início da competição. Equipes formadas somente por alunos (as) do Instituto de Computação terão prioridade na inscrição. Todas as equipes devem, possuir pelo menos um (a) aluno (a) da graduação do Instituto. O Hackathon ocorrerá integralmente no Ambiente de Estudos do Instituto de Computação, começando na manhã do dia 16/10 (terça-feira) e tendo encerramento na noite do dia 17/10 (quarta-feira). A sala possui um espaço amplo para acomodação dos grupos durante o período da competição.

Aplique em

Maratona

Também ocorrerá na II Semana da Computação a II Maratona de Programação do Instituto de Computação da Universidade Federal Fluminense. Para este evento, exclusivamente alunos do Instituto de Computação e do PURO da UFF se reunirão, em grupos de 3 pessoas, numa competição para ver quem consegue resolver os problemas dados no melhor tempo. Cada grupo deverá resolver uma série de exercícios selecionados pelos organizadores dentro das 5 horas de competição e os mesmos serão submetidos no sistema "BOCA Online Contest Administrator", que irá avaliar as submissões e dizer se estão corretas ou não. Os problemas poderão ser resolvidos em algumas das linguagens de programação disponíveis (Java, Python, C e C++).

Pratique com

Minicursos

A II Semana da Computação contará com minicursos ministrados por alunos, ex-alunos e professores tanto do Instituto de Computação quanto da UERJ. Com temas variados, os minicursos acontecerão, em sua grande maioria, nos laboratórios do IC. Para participar, também é necessária uma pequena taxa de inscrição de R$5,00. É importante ressaltar que as inscrições nos minicursos são limitadas a quantidade de vagas nos laboratórios.

Comemore em

Concurso de teses

O II Concurso de Teses, Dissertações e Trabalhos de Conclusão de Curso do IC visa premiar os melhores trabalhos desenvolvidos no Instituto no último ano. A ideia é valorizar os alunos e seus orientadores e motiva os discentes que ainda estão desenvolvendo seus trabalhos.

Palestrantes

Dias

Minicursos

Participantes

Calendário

Confira a descrição detalhada sobre cada evento

9:00 - 12:00

CRISTIANA BENTES
UERJ


  • Parallel Programming Trends and Challenges
Parallel Programming aims at providing reasonably fast computing solutions to scientific and real life problems. In the past, it had the reputation of being a restricted field, pursued by experts using extremely large and expensive machines. Currently, however, the computer industry is designing chips with multiple processors, and parallel programming has to go mainstream. Unfortunately, writing parallel code is more complex than writing serial code, and getting a high fraction of the available peak performance is even harder. This talk will provide a brief overview on parallel programming paradigms, and discuss some of the main challenges faced by programmers in designing efficient parallel codes. The talk will also present some of the ongoing research in high performance computing at State University of Rio de Janeiro.

13:00 - 15:00

  • Sessão de Cinema
Evento sem descrição

15:00 - 16:20

IGOR LIMA
VISAGIO


  • Consultoria em Tecnologia: Levando soluções eficientes à Industria
Aqui na Visagio temos orgulho de trabalhar frente a frente ao cliente levando as melhores soluções, e diferente da maioria das grandes empresas de tecnologia nossos clientes são grandes mineradoras, bancos, metalúrgicas, gigantes do varejo e de diversos setores.Como se pode imaginar, as necessidades desses clientes são bem diferentes do que se vê normalmente e gostaríamos de compartilhar as nossas experiências com vocês! Nessa apresentação vamos mostrar alguns casos marcantes que passamos, e discutir as soluções implantadas nesses clientes.

16:20 - 17:40

RÔMULO PINHO
VÍTOR SOUSA
DELL EMC


  • Dell EMC – Brasil R&D
Dell EMC é uma corporação multinational americana que oferece armazenamento de dados, segurança da informação, virtualização, análise de dados, computação em nuvem, além de outros produtos e serviços. Atualmente, a Dell EMC é a maior provedora mundial de sistemas de armazenamento de dados e possui um centro de pesquisa e desenvolvimento (R&D) no parque tecnológico da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Nessa palestra apresentaremos alguns dos projetos conduzidos pela nossa equipe de R&D (e.g., manutenção preditiva em plataformas de O&G e de otmização de alocação de recursos para execução de workflows científicos), assim como as iniciativas atuais em gerência e preservação de dados.

17:50 - 19:10

ALEXANDRE SABOIA
FUZIYAMA
GLOBO.COM


  • Nas internas do CartolaFC: como é arquitetura do game feita para suportamos um volume ainda maior de acessos
Neste talk vamos apresentar como nos preparamos para a temporada de 2016 do maior fantasy game do Brasil, mostrando nossas experiências, problemas e soluções utilizadas, como:
- a evolução da arquitetura do game em cloud com um mudança de foco na API
- a reescrita da aplicação utilizando Golang e AngularJS
- desenvolvimento do site utilizando técnicas responsivas
- como ganhamos performance no MySQL
- utilização massiva do Memcached e Redis.
O participante do talk terá uma visão ampla de como funciona um dos jogos de maior audiência do Brasil.

19:00 - 21:40

MARCELO FORNAZIN LEONARDO GARGANO BARBARA RAMOS
UFF


  • Métodos Ágeis para Construção de SI
    na Gestão Social
Nesse mini-curso discutiremos como métodos ágeis podem contribuir para a construção de sistemas de informação (SI) para movimentos sociais, ONGs etc.. Partimos de premissa de que as técnicas de SI originalmente desenvolvidas nos ambientes empresariais possuem limitações para replicação nos cenários sociais. Assim, buscamos compreender como os valores e conceitos da gestão social podem ser incorporados nos SI por meio de métodos ágeis. Os métodos ágeis desenvolvem uma dupla função a qual permite adaptar um SI a uma realidade social, ao mesmo tempo em que permitem aos desenvolvedores conhecerem melhor tal realidade. No mini-curso apresentaremos os conceitos de gestão social e métodos ágeis, ilustrando os conceitos e técnicas com casos práticos.

19:10 - 20:40

LUCAS TITO
UFF


  • Acessibilidade e Inclusão,
    um Panorama Geral e os Atuais Desafios
A construção de uma sociedade justa tem como um de seus pilares fundamentais, a inclusão ampla e concreta de todas as pessoas, independentemente do status social, tipo e grau de deficiência, entre muitos outros fatores que podem segregar. Segundo a OMS, estima-se que mais de 285 milhões de pessoas em todo o mundo vivem com algum tipo de deficiência visual. Eles por sua vez, apresentam uma qualidade de vida inferior quando comparados com quem vive sem deficiência. Isso resulta em um pior grau de saúde, índices de perspectiva, menores níveis de escolaridade, menor participação e maiores taxas de pobreza. Uma possível causa é devido ao fato de que pessoas com deficiência enfrentam várias barreiras em relação ao acesso a serviços como cuidados de saúde, emprego, transporte e informação, o que obviamente transformam esses pontos em premissas fundamentais a serem alcançadas Infelizmente, iniciativas legais para garantir acesso e inclusão de pessoas com deficiência não são satisfatórias, nem capazes de assegurar a eliminação das barreiras físicas e culturais Nesta palestra serão abordados tópicos como:
a) diferença entre acessibilidade e inclusão
b) tecnologias assistivas e alguns exemplos
c) a iteração da pessoa com deficiência nos diferentes ambientes sociais
d) a metodologia científica na área e algumas problemáticas
e) apresentação do GAPAI (grupo de apoio a pesquisas de acessibilidade e inclusão)

9:00 - 12:00

Elihofni Guirra Lima
UFF


  • Escreva Menos, Produza Mais:
    Conceito De Componentes
Como organizar projetos web frontend de modo a ser mais produtivo

Tópicos:
- Conceito de componentes;
- Técnicas de CSS;
- Boas praticas de escrita;

13:00 - 15:00

  • Sessão de Cinema
Evento sem descrição

15:00 - 16:20

Rafael Bastos
Dumativa


  • Desenvolvendo Jogos no Brasil:
    O caso da Lenda do Herói
História, erros e acertos do desenvolvimento de jogos, vendas, distribuição e criação de uma franquia para o mercado nacional.

16:20 - 17:40

Eduardo Ferreira
Mainô


  • Empreendedorismo como Alternativa
    de Carreira
Na apresentação contarei um pouco sobre a minha trajetória como estudante de ciência da computação da UFRJ, a criação da Mainô ainda na graduação, erros e acertos e lições aprendidas que podem encurtar o tempo para o sucesso de quem deseja se aventurar a empreender.

17:50 - 19:10

  • Apresentação dos Resultados do Hackathon
Evento sem descrição

19:00 - 21:40

João Felipe Pimentel
UFF


  • Python em Uma Linha
Python é uma linguagem expressiva com uma rica biblioteca padrão disponível. O objetivo deste minicurso é ensinar a usar expressividade do python em geradores, list/set/dict comprehensions, funções lambda e ensinar a usar funções da bibliotecas itertools e functools. O uso dessas funcionalidades vai ser extrapolado ao ponto de permitir escrever códigos complexos em uma única linha (statement) e até fazer ascii art, burlando as limitações de indentação do Python. Exemplo

9:00 - 12:00

Alysson Geraldo
UFF


  • APIs REST e Testes de Unidade
    com Golang
O padrão REST para a comunicação entre APIs está dominando o mercado de software atualmente e a habilidade de desenvolver testes para aplicações está se tornando cada vez mais um diferencial para o mercado de trabalho, principalmente em vagas de estágio e/ou júnior. Unindo tais habilidades com uma nova linguagem que está sendo adotada mundialmente para criação de softwares concorrentes de alto desempenho por empresas como Uber, Docker e tantas outras, este minicurso busca introduzir alguns conceitos e práticas importantes para ser iniciar bem a jornada no mercado de trabalho. Nele serão apresentados conceitos básicos sobre a linguagem GO (Golang) tais como uso de interfaces, organização de código e alguns pacotes da biblioteca padrão, uma parte teórica e outra prática sobre o padrão REST e criação de testes de unidade para um módulo que representa um banco de dados, sendo tudo isso aplicado na criação de uma API para gerenciar os dados de professores, alunos, disciplinas e turmas de uma universidade.

13:00 - 15:00

  • Sessão de Cinema
Evento sem descrição

15:00 - 16:20

Ana Paula Monteiro
CIEE


  • Novas Tendências de Recrutamento e Seleção
RESUMO: Objetivo: Orientar sobre as técnicas atuais utilizadas em processos seletivos, visando as novas tecnologias adotadas pelo mercado de trabalho. Conteúdo programático:
- Definição de processo seletivo;
- Principais etapas dos novos métodos de seleção;
- Como elaborar um currículo atrativo;
- O uso da Inteligência Artificial;
- Redes Sociais – Nova forma de recrutamento
- Para que servem os Testes e Jogos online
- Dicas para uma entrevista por vídeo de sucesso;
- Vídeo de finalização.

17:00 - 19:00

Francisco Fernandes
Otton Teixeira
Paulo Mann
UFF


  • Vulnerabilidade e bem-estar
    psicológicos do estudante universitário
Evento sem descrição

19:00 - 21:40

Wanderson Trindade
UFF


  • Another Blink in the Wall
Fazendo alusão ao exemplo mais simples da computação física, será demonstrado de maneira didática como fazer o Arduino interagir com o mundo exterior ligando e desligando luminárias e equipamentos usando módulos de Redes. Essa oficina tem como objetivo quebrar a barreira do iniciante com o uso de Arduino, comentando brevemente sobre conceitos de eletrônica e elétrica.

19:00 - 20:30

ROGERIO SGANZERLA,
FERNANDA SCOVINO
FGV


  • Data Science e o Congresso Nacional: o uso da Matemática Aplicada na análise da produção legislativa
O projeto Congresso em Números utiliza dados de diferentes instituições, como aqueles produzidos pelo próprio Congresso, o IBGE, o TSE ou mesmo dados anônimos de empresas privadas, para avaliar a relação entre os interesses defendidos pelos deputados e senadores e sua base eleitoral. Aplicamos também os mais recentes avanços do campo da matemática e do uso de tecnologias, como a inteligência artificial, para ajudar o Brasil a pensar o seu Parlamento. Abordamos a tramitação das leis, o tempo até serem votadas, entre diversos temas, para entender melhor como funciona essa instituição.

9:00 - 12:00

Bruno Belizário
Vanessa Eugênia
STI/UFF


  • Docker Hands On
Evento sem descrição

10:00 - 12:00

Clarisse de Souza
PUC-RIO


  • O direito a explicação: ponto de encontro entre a subjetividade de quem produz e a de quem usa aplicações contemporâneas de IA
A regulamentação geral europeia para a proteção de dados pessoais de usuários (GDPR) entrou em vigor em maio de 2018. Com fortes impactos econômicos, sociais e técnicos, teve como uma de suas consequências iniciativas de regulamentação similar em diversos países, entre eles o Brasil (com regulamentação sancionada em 2018, que entra em vigor em 2020). Um dos quesitos polêmicos do GDPR é o chamado "direito a explicação", entendido como o direito que as pessoas têm de saber como e para quê quem solicita e coleta seus dados pessoais quer utilizá-los. Discussões sobre o assunto seguem diferentes perspectivas, desde as jurídicas, até as computacionais, passando também pelo significado de diferentes interpretações do GDPR para as práticas de desenvolvimento e comercialização de tecnologias de Inteligência Artificial que usam grandes volumes de dados. Esta palestra apresentará uma breve panorâmica do estado destas discussões em fóruns selecionados como exemplo e aprofundará uma questão ética que acompanha o desenvolvimento e uso de software há várias décadas, mas que com o GDPR se mostra inadiável. Trata-se da investigação e discussão de valores e crenças subjetivas de quem "produz" software, e não só de quem "usa". Em particular, defenderemos a posição de que são necessárias mais teorias fundamentais integradoras do design, desenvolvimento e uso de artefatos digitais - tais como a Engenharia Semiótica - para fazer face aos desafios sociais presentes e futuros da IA.

13:00 - 15:00

  • Sessão de Cinema
Evento sem descrição

15:00 - 16:20

Mattheus da Hora
Governança Brasil


  • DevOps e os desafios da Entrega
    Contínua com garantia de qualidade e uso de software livre
Para conseguirmos estabelecer um regime de Entrega Contínua é necessário adotar um conjunto de práticas que visa resolver a necessidade da liberação frequente de software nas organizações com garantia de qualidade. Nesta palestra abordaremos todas as etapas envolvidas, apresentando diversas ferramentas livres que auxiliam este processo, como Tuleap, Gitlab, Jenkins, Nexus, Sonar e Tikiwiki. Como estudo de caso, analisaremos o fluxo de desenvolvimento de novos produtos da GOVERNANÇA BRASIL que utiliza tecnologias difundidas no mercado como Java e Angular. Neste contexto, o TDD também torna-se essencial como técnica de análise para desenvolvimento de novas funcionalidades com qualidade.

16:20 - 17:40

Fausto Junqueira
Radix


  • Microserviços
Vamos discutir o que é microserviços, comparar com sistemas monolíticos, ver suas vantagens e desvantagens. Isso tudo de forma divertida e mostrando como a natureza já trabalha dessa forma.!

17:50 - 19:10

  • Encerramento e Premiações
Evento sem descrição

Invista nos conteúdos

10 equipes

Hackaton

R$10

por membro


Inscreva-se
Popular

Minicursos

R$5

por minicurso


Inscreva-se
Popular

Maratona

Gratuita

por grupo


Inscreva-se
Popular

Mesa redonda

Gratuita

por aluno


Inscreva-se
Popular

Palestras

Gratuitas

por aluno


Inscreva-se

Patrocínio

Apoio